Uma jovem de 18 anos, grávida de 7 meses, foi brutalmente espancada e perdeu o bebê em Sumaré (SP). O crime foi na última sexta-feira (1). O Hospital Estadual (HES) da Unicamp, confirmou nesta segunda (4) que a mulher está internada com fraturas no crânio, face e braços, e que o feto não resistiu.

A vítima foi atingida por golpes de barras de ferro e pedaços de madeira, e disse que as agressoras eram mulheres – entre elas a ex-namorada do companheiro da filha -, que a abordaram na rua. A última agressão que ela sofreu foi provocada pelo namorado, mas não foi registrado boletim de ocorrência na delegacia.

A mãe mora em outro estado e chegou a levar a filha com ela da primeira vez, mas a jovem retornou ao interior paulista após um mês. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Artigos relacionados
Carregar mais por admin
Carregar mais em Notícias

Leia também

Condenado por queimar o rosto de ex-enteada é preso em Americana

Um homem de 29 anos, procurado pela Justiça de Peruíbe (SP), foi preso em Americana na noi…